Commonplace book: como fazer o seu

Commonplace book: como fazer o seu

Pode ser que você nunca tenha ouvido falar neste nome, mas talvez já faça uso dele intuitivamente há muito tempo. Um commonplace book (CPB) é um caderno onde você anota todo conhecimento adquirido em palestras, vídeos, livros, aulas, junto com observações pessoais que vão te ajudar a assimilar um tema com mais facilidade ou relembrá-lo quando preciso.

Ele é diferente de uma agenda ou planner, onde você registra seus compromissos e metas. E é diferente de um diário, onde serão contadas suas experiências de vida, perdas, conquistas, viagens e tudo que tem a ver com a sua vida pessoal.

Você pode utilizá-lo para estudar sobre um assunto específico ou para todos aqueles que tem interesse e a maneira como você vai organizar o conteúdo fica a seu critério. Comumente, a maioria das pessoas costumam inserir data e tema antes de iniciar as anotações propriamente ditas e algumas ainda numeram as páginas para criar um índice.

Separe uma página no começo do caderno para servir de índice e numere as páginas conforme for usando. Ajuda muito a encontrar o conteúdo.

Na época do meu TCC, meus fichamentos eram divididos por autores e eles fizeram parte do meu primeiro CPB, pois antes de passar tudo para o computador, eu registrava os trechos que me interessavam em um caderno. Eu sei, isso não é nada prático, mas me ajudava a memorizar e refletir melhor sobre os temas que pesquisava.

Hoje, eu tenho utilizado a ideia para um único fim: aprender inglês. Comecei ele registrando palavras desconhecidas e sua tradução. Depois, passei a anotar também o uso delas em frases e seus sinônimos, aproveitando para destacar junto uma ou outra regras gramaticais, além de copiar minhas letras de músicas favoritas.

Ainda não tinha pensado em algo assim para registar seu conhecimento?

Quer começar?

A primeira regra é ter em mãos caderno e canetas (muitas, de preferência, porque elas vão te ajudar a organizar tópicos, além de dar vida ao seu commonplace. Eu prefiro os cadernos sem pauta, mas os pautados ou quadriculados dão super certo, especialmente, para quem tem toc com falta de simetria.  

Tenha em mãos ainda muitos post-its e todo tipo de item de papelaria que você goste de usar no dia a dia.

O uso de canetas de cores diferentes, marca textos, post its e adesivos, deixa as anotações mais organizadas, além de servir como uma ótima terapia. Fonte: Seaweed Kisses

Boas ideias:

Quando estiver lendo um livro, grife todos os trechos que devem ir para o caderno. Assim, você não precisará ler novamente um capítulo ou toda a obra.
Desenhe mapas mentais ou faça colagens no seu CPB. Tudo isso ajuda a memorizar o conteúdo estudado.

Bons estudos!

Conheça outras 5 maneiras de
usar os cadernos da Volare Paper

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima